• Vick

A máscara

[Victória Secco Pizzirani, 20 anos, feminino, estudante de Arquitetura e Urbanismo, voluntária do Projeto, @vick_pizzirani]


A busca incessante em ser feliz carrega a culpa de não ser consigo. A necessidade em encontrar algo que aparente a felicidade em si, mesmo que seja falsa, é recorrente e sufocante.


O sorriso que cobre meu rosto já não é mais meu. A máscara que tapa a minha face me sufoca. E eu preciso respirar. Preciso tirá-la. Mas como se todos que me conhecem assim me querem assim com esse sorriso? Posso simplesmente tirá-lo? Acho que sim, né, ele não é mais meu. Já não me pertence ou tampouco me representa, por mais que eu queira que tudo esteja bem, não está. Fingir que está não é mais uma opção.

E foi assim que eu tirei a máscara. Ninguém me reconheceu. Todos diziam “coloque-a de novo”, “você era mais bonita com um sorriso ai” ou “nossa, essa aí não é você”. Quem sou eu? Sou uma pessoa com sentimentos e emoções que oscilam, e isso que me mantém viva.

Ao invés dessas perguntas, por que ninguém olhou pra mim questionando o porquê de ter tirado a máscara; como que eu estava ou me sentia; se precisa de algo? Mas é claro que recolocar a máscara seria uma alternativa mais fácil. Eu me recuso. Me recuso a vestir algo que já não se encaixa mais em mim, algo que não me representa.

Já fiz muito isso e não pela minha vontade, mas pela dos outros e, a partir de hoje, eu decidi que chega de máscaras! Chega de não sentir o calor do sol ou a brisa do vento batendo em meu rosto. Quero poder tocar a minha pele e sentir cada terminação nervosa liberando impulsos. Decidi que a partir de hoje vou ser EU! Vou em busca da minha felicidade e tudo bem por mim passar por dias mais nublados. Não carregarei mais a culpa de precisar ser feliz. Serei apenas a minha pessoa e isso me deixa feliz!


E aí curinga, como você se sente dentro de toda essa pressão de ser sempre feliz? Você está disposte a se juntar a mim e tirar essa máscara aí? Juro que não doí… Comenta aqui embaixo a forma como você lida com a sua felicidade.



5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo