Moldes

[Maria Júlia Figueiredo, 20 anos, mulher, branca, cis, hétero; estudante de serviço social; administradora do projeto e responsável pelo núcleo de design.]


Padronizada e pressionada para atender padrões, queria reduzir todos os tamanhos e excessos que cabiam nesse corpo. Sumir com uma parte de mim, já que essa não era bem vinda e vista. Tentei caber, queria que coubesse todo o meu eu nesse padrão, mas não coube.


(imagem: Colagem feita por Maria Júlia Figueiredo)


Cada dobrinha e curva contam uma história, registram o que você é, vive e sente. Não se encaixe ao padrão e não permita que tentem, você é grande demais pra isso!

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo